Voltar Professor Doutor Pedro Luiz Mangabeira Albernaz

prof pedro

Por: Daniela Cristina Janolli Sanchez

Natural de Campinas, Pedro Luiz Mangabeira Albernaz formou-se em Medicina pela Escola Paulista de Medicina em 1955, faculdade que tem seu pai como um de seus fundadores. Realizou seu mestrado em Otorrinolaringologia pela Washington University em Saint Louis (1960) onde atuou em pesquisa e na prática clínica. Retornou à EPM em 1961 como professor assistente e tornou-se Professor Titular de Otorrinolaringologia cinco anos depois.

O Prof. Pedro Luiz Mangabeira Albernaz deixou sua marca na história da otorrinolaringologia brasileira. Participou ativamente na criação da residência médica de otorrinolaringologia da Escola Paulista de Medicina, assim como do curso de fonoaudiologia e da pós-graduação em Otorrinolaringologia e em Distúrbios da Comunicação Humana. Pioneiro na cirurgia otológica, realizou a primeira cirurgia translabiríntica do país para exérese de neurinoma do acústico em 1964; a primeira derivação endolinfática-subaracnóide para Doença de Menière em 1965 e o primeiro implante coclear em 1977. Organizou o primeiro um curso de cirurgia otológica no Brasil a transmitir operações ao vivo por meio de um sistema de televisão no ano de 1965.

Foi um dos fundadores e presidiu a Sociedade Brasileira de Otologia (1973-1977) e a Sociedade Brasileira de Otorrinolaringologia (1982- 1984). Fundou a Associação William House de Otologia no ano de 1975. É um dos dez sócios honorários da American Otological Society e membro do Collegium Oto-Rhino-Laryngologicum Amicitiae Sacrum, do qual foi presidente de 2004 a 2006.

Publicou cerca de 500 trabalhos Brasil e 120 no exterior, inúmeros capítulos de livros e 16 livros. Acompanhado pelo Prof. Yotaka Fukuda, foi o primeiro a descrever a associação entre os distúrbios do metabolismo dos carboidratos e alterações no equilíbrio, marco importante da otoneurologia.

No ano de 2015 recebeu o título de Professor Emérito pela Escola Paulista de Medicina, justo reconhecimento por sua dedicação à sua faculdade de origem e ao crescimento da otorrinolaringologia brasileira.

Ainda hoje o Prof. Mangabeira participa ativamente de cursos e congressos no Brasil e exterior. A otoneurologia brasileira muito se orgulha de seu trabalho, que leva o nome do nosso país por todos os serviços do mundo.


Outras Notícias